sábado, 17 de junho de 2017

JÁ QUE UM LADRÃO GANHOU MUITA GRANA PARA TIRAR A TATUAGEM DA TESTA! COM CERTEZA ESSE CASAL DE VELHINHOS QUE ESTÃO PASSANDO FOME NÃO TERÁ DIFICULDADE ALGUMA EM RECEBER SUA AJUDA:

video


JÁ QUE UM LADRÃO GANHOU MUITA GRANA PARA TIRAR A TATUAGEM DA TESTA! COM CERTEZA ESSE CASAL DE VELHINHOS QUE ESTÃO PASSANDO FOME NÃO TERÁ DIFICULDADE ALGUMA EM RECEBER SUA AJUDA:
Essa é dona Elza e seu marido, ambos mesmo com a idade avançada e sérios problemas de saúde... sabe o que eles fazem? Eles trabalham de domingo a domingo de catadores de lixo arrastando um pesado carrinhos os dois juntinhos pelas ruas... Não perdem um dia de trabalho catando lixo nas ruas da cidade turística mais importante de Goiás, Caldas Novas, catando papelão e outros tipos de lixos para garantir os seus sustento e a sobrevivencia. Para fugir do aluguel, pois o dinheiro mal dava para alugar uma casa e comer, eles conseguiram um lote e moram em um barraco de lona, pedaços de madeiras, chão batido e placas encontradas nas ruas.... Mas como todos podem ver são velhos e ficaram doentes diante de tanta luta e sofrimento e infelizmente não estão conseguindo catar lixos para sobreviver, estão passando fome, dificuldade e desespero. Morando em um local sem energia, sem água e sem ajuda, eu e você não podemos deixar que eles morram a míngua. E já que nosso país foi tão generoso com um pobre coitado de um ladrão com certeza será também generoso com um casal de idosos que não roubam e mesmo com mais de 70 anos trabalham debaixo de sol e chuva catando lixo para sobreviver e ambos somente um pelo outro. Eles preferem trabalhar do que pedir, mas agora não deu, eles precisam de ajuda! Caso seu coração toque como eles não tem conta para judar eu me proponho a ajudar, pois eles moram aqui em Caldas Novas no loteamento Vale da Serra. Minha conta é Agencia 1839 Operação 001 Conta Corrente 22527-7 Caixa Ecônomica Federal em nome de Alison Flavio de Oliveira Maia. Ou se preferir pode também entrar em contato com uma voluntária pelo WhatsApp no (64) 992008608.
Alison Maia - Repórter Policial

Nenhum comentário:

Postar um comentário